Carreira na área de Tecnologia da Informação

Seguem alguns passos para quem se interessar em fazer carreira na área de TI, aquela que não falta emprego, nem no Brasil, nem em lugar algum do mundo onde tenha ocorrido e continue em plena evolução a automatização de tarefas. São dados empíricos, ou seja, quem escreve vivenciou isto:

– Faça um bom curso técnico, faculdade e/ou pós-graduação, não necessariamente nesta ordem e não apenas um de cada, podem ser vários;

– Aprenda a estudar por conta própria;

– Aprenda todos macetes de pesquisa na Internet;

– Leia bons livros;

– Participe de comunidades de informática relacionadas à área que pretende atuar. A princípio como mero consumidor de informações e posteriormente como produtor de conteúdo, além de suporte para quem for chegando;

– Escreva dicas, artigos, códigos, etc., publique em sites/comunidades relacionados ou mesmo em um blog/página pessoal;

– Participe de processos seletivos. Não esqueça de fazer currículos focados na vaga em que busca. O recrutador, aquele que tem um grande trabalho para filtrar candidatos, principalmente quando recebe indicações (o network é essencial), não precisa saber nada além do seu nome, contato, experiência, resultados, educação e objetivo. Nada de formatar currículo de muitas páginas e com diversas informações que não dizem respeito à posição que busca.
Se for necessário um “livro” da sua vida profissional e acadêmica, com certeza o selecionador te pedirá para escrevê-lo;

– Comece como estagiário. Não fique parado no tempo. Caso não reconheçam o seu talento, empenho e conhecimento de tecnologia da informação, busque outras oportunidade de estágio;

– Caso não seja efetivado na empresa onde concluiu o estágio ou mesmo que as chances sejam remotas, busque sua promoção no mercado. Um estagiário quer ser um profissional júnior. Um profissional júnior quer ser um profissional pleno e assim por diante. Não fique esperando nada cair do céu;

– Procure ser o mais pró-ativo possível dentro do que for do seu alcance na instituição que faça parte, pois nem tudo lhe será permitido fazer. Desta forma tome cuidado para não queimar etapas;

– Só para finalizar, tudo isto será mais fácil de se fazer na iniciativa privada. Na iniciativa pública este processo será muito mais lento.

Outro bom ponto a observar é que você nunca deverá de deixar ter os seus próprios projetos, que aliás poderão ser o seu “emprego” e sua “carreira”, isto é, você poderá vir a ser empregador e não empregado.

Leia também:

5 dicas para iniciar a carreira em TIEstude tecnologia

Até mais.

1 thought on “Carreira na área de Tecnologia da Informação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA *